Imenso…

Leve, límpido e puro…

Mar de Lembranças

Mar de Lembranças

São as primeiras horas desta manhã de sexta-feira, e em poucos instantes olhando e observando esta imensidão diante dos meus olhos, percebi um lindo flash de fotos e vídeos passando initerruptos.

Em tons de serpia, outros multi-coloridos, alguns ainda em preto e branco. Mas todos refletindo no azul do mar em seus instantes de torrentes e em suas calmarias, o que eu já passei em meus dias, nos meus momentos, entre os que amo e os que me odeiam, no meio das minhas lutas intensas, das minhas derrotas e vitórias, entre os instantes mais preciosos, que são os segundos de nossas vidas.

E por isso me questionei por tudo, pelas dores, pelas tristezas, pelas riquezas, pela falta de sensibilidade, pelo racionalismo exagerado, pela incoerência entre as decisões dos homens, pelos sonhos distantes, por que da existência dos que atrapalham e te sugam, pelas aparências, maquiagens e pela nudez da sinceridade. Todas essas perguntas pelo simples fato, de que em todo o flash proporcionado pela trasparência deste azul eterno, me vi arrodeado por estas situações.

Então,

Mais uma nova pergunta veio em minha mente: “Como eu me sinto no meio desta imensidão?”

E a resposta, silenciosa veio: “Preciso ainda me descobrir, para saber a resposta.”

Pois quando acho que já sei o suficiente de mim, percebo que ainda existem flashs sem fotos e vídeos revelados, e que eu preciso enfrentá-los. Como enfrentamos as fortes ondas ou o leve balanço das águas.

Mas confesso, que esta sensação das belas fotos – em serpia simbolizando momentos distantes, ou o preto e branco tonalisando outras com sua textura e retrato fiel das expressões, ou aquelas cheias de vida em cores revelando na pele a cor da emoções, e ainda os vídeos que invadem nossos poros e em câmera lenta nos marca pelas nossas próprias ações e reações – foi única – e me mostrou a importância do eu misturado no nosso e no todo. Como uma única gota, uma única onda, ou ainda como o silêncio do mar, somos assim, um MAR de lembranças se revelando como os primeiros passos já dados para as lembranças de amanhã.

Cuide com carinho do seu hoje, para que amanhã, ao olhar para o mar, o ontem seja intenso em emoções e lições.
by Jeff Wendell

Anúncios